Curiosidades

Esse é de limão que parece tamarindo e tem gosto de laranja!

Esse é de limão que parece tamarindo e tem gosto de laranja!

Humm… Isso me lembra alguma coisa,mas o quê mesmo?

Todo mundo já se deparou com essa sensação ao experimentar algo e não conseguir assimilar a qual sabor e/ou aroma aquilo remetia, mesmo lhe sendo familiar.


De fato a degustação é uma “brincadeira” olfato-gustativa que busca em nossa memória as percepções que já experimentamos para definir os sabores e aromas. E quando se trata do café, essa nem sempre é uma tarefa simples. Mas para ajudar e alinhar essas classificações, tem muita gente que pesquisa e estuda o que pode ser encontrado sensorialmente nos cafés de todas as origens.

É o que propõe, por exemplo,a Roda de Sabores do Provador de Café da Associação Americana de Cafés Especiais (SCAA). Nela estão identificados os aromas e sabores já encontrados na bebida para auxiliar na descrição dos cafés. 

Se você gosta de café já deve ter se deparado com a roda colorida presente na capa do nosso blog. Na prática, a leitura acontece de dentro da roda para fora. Desse modo,ao provar o café e estimular os sentidos o degustador primeiro identifica o atributo principal – frutado, por exemplo – na categoria seguinte de que tipo –frutas cítricas, por exemplo – e por fim, a acidez – limão, para exemplificar.E daí parte para outro sabor e aroma que identificou naquela bebida.


Aproveite para testar e experimentar os sete sabores dos cafés Meridiano e desvendar na Roda de Sabores as características sensoriais de cada um.

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inscrever-se

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.